Netflix quer lançar filmes de forma simultânea com os cinemas

O diretor de conteúdo do Netflix, Ted Sarandos, afirmou recentemente que os novos filmes deveriam ter o streaming liberado juntamente com sua estreia nos cinemas. É isso mesmo: os próximos blockbusters de Hollywood, por exemplo, devem chegar ao serviço de streaming no mesmo dia em que chegam às grandes redes de cinema, segundo o executivo.

No mesmo discurso, durante o Independent Film Forum, Sarandos atacou os donos das redes de cinemas, afirmando que eles impedem a competição e a inovação no mercado. O executivo se referiu às janelas entre um lançamento nos cinemas e a chegada do filme em DVD e Blu-ray, para depois ser disponibilizado em Blu-Ray.

Anteriormente, o Netflix, que se consolidou como produtora de seriados originais em 2013, já tinha afirmado ter interesse em financiar produções de Hollywood.

Como era de se esperar, as afirmações do executivo do Netflix naturalmente causaram barulho no mercado. O presidente da Associação Nacional de Donos de Cinema dos EUA, John Fithian, afirmou em um comunicado: “O único negócio que seria ajudado pelo lançamento simultâneo com o Netflix é o Netflix. Se Hollywood fizer o que Sarandos sugere, não sobrariam muitos filmes para os clientes do Netflix ou qualquer outra pessoa.”

Nesta semana, Sarandos amenizou seus comentários durante um evento em Los Angeles.  Mas até aí, o estrago já tinha sido feito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Total de visualizações de página