Mark Zuckerberg liga para obama e fala que não gostou da espionagem





O fundador e diretor-executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, afirmou nesta quinta-feira (13) que telefonou para o presidente Barack Obama para dizer que o governo americano está acabando com a confiança na internet com seus programas de espionagem.
"Liguei para o presidente Obama para expressar minha frustração com o dano que o governo está criando para o nosso futuro", afirmou Zuckerberg, em um texto em sua página oficial (clique aqui para acessar, em inglês) na rede social, mostrando sua irritação com Washington.
"Infelizmente, parece que vai demorar muito até que seja feita uma reforma completa", lamentou.
"O governo dos Estados Unidos devia ser um defensor da internet, não uma ameaça. Devia ser transparente em relação ao que está fazendo, ou as pessoas vão pensar o pior", acrescentou.
O comentário foi publicado um dia depois da revelação de que a Agência de Segurança Nacional (NSA, na sigla em inglês) imitou servidores do Facebook para infectar computadores com um malware que possibilitava a coleta de dados de computadores em escala massiva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Total de visualizações de página